Conheça a importância e como montar pontos de luz no seu ambiente

Uma boa iluminação é essencial para a decoração dos ambientes. Sua função vai muito além de apenas clarear espaços – quando trabalhada adequadamente, consegue transformar cômodos inteiros.

Os pontos de luz têm papel fundamental no sucesso dessa transformação funcional e decorativa. No entanto, você sabe o que são pontos de luz? Trata-se do efeito causado pelo posicionamento estratégico de peças de iluminação: spots, luminárias, balizadores etc.

Em um cômodo com pouco espaço, por exemplo, esse efeito gera a sensação de amplitude, alongando visualmente o ambiente. Da mesma forma, é possível criar uma ambientação mais intimista ou aberta, dependendo de como os pontos são posicionados.

Atingir o propósito de iluminação decorativa esperado requer atenção a alguns detalhes muito importantes, como o tipo de ambiente, a sensação pretendida e as finalidades decorativas de cada um deles.

Pensando nisso, o blog da Decorlumen preparou um conteúdo completo para te guiar pelas melhores dicas de como se utilizar corretamente dos pontos de iluminação e da iluminação indireta. Continue nos acompanhando para conferir:

Ideias para criar pontos de iluminação em ambientes

Como você já sabe, os efeitos de luz são fundamentais em qualquer espaço. Por esse motivo, os fatores que determinam uma boa utilização da técnica precisam ser levados em conta. Veja as dicas que separamos para você não errar na iluminação:

  1. Uplight e downlight: inove nos ambientes externos!

A iluminação uplight (do inglês, luz para cima) tem como característica luzes instaladas no chão do ambiente, refletindo nos espaços de baixo para cima. Esse estilo é muito utilizado em ambientes externos, mas também pode ser aproveitado em corredores e halls de entrada.

Geralmente, são utilizados arandelas, spots e outras peças direcionais para criar os fachos de luz, que podem ser amareladas ou coloridas. Vale ressaltar que a tonalidade e a temperatura da cor das lâmpadas, além de escolhas pessoais, devem estar de acordo com a paleta de cores do ambiente – harmonia é fundamental!

A iluminação downlight (do inglês, luz para baixo), por sua vez, é um ótimo investimento para fachadas e áreas externas, especialmente de ambientes comerciais. Para casa, essa técnica pode ser utilizada na área da churrasqueira, quartos e como iluminação complementar em áreas de convivência, como a sala de estar.

  1. Iluminação wall-washing: valorize a arquitetura interior!

O termo wall-washing também vem do inglês e significa “banho de luz”. Como o próprio nome sugere, esse tipo de iluminação cria pontos de iluminação difusa que suavizam o ambiente. Esse estilo é perfeito para valorizar os espaços interiores, principalmente quando possuem texturas trabalhadas.

Para produzi-la, é recomendado o uso de trilhos, os quais podem ser ajustados no ângulo ideal para proporcionar o efeito “washing” conforme o tamanho da sua parede. Luminárias e refletores compactos também são possibilidades e contam com a vantagem, especialmente no caso das luminárias, de agregarem valor estético à decoração.

  1.  Iluminação indireta: crie sensações por meio das luzes

A iluminação indireta segue os mesmos princípios da iluminação difusa, porém dificilmente é aplicada a um ambiente inteiro – e, por isso, é muito utilizada na criação de pontos de luz.

A principal vantagem é o conforto visual que esse tipo de jogo de luzes proporciona, uma vez que os fachos de luz são refletidos em paredes ou no chão, diferentemente da iluminação direta.

Graças a essa característica, é possível criar várias sensações por meio da quantidade de pontos de luz, as cores das lâmpadas e a posição estratégica que elas ocupam no ambiente. Em cômodos com limitação de espaço, recomendamos o uso da iluminação indireta para gerar a sensação de amplitude

Qual a importância de se investir em pontos de luz?

Tão importante quanto conhecer as melhores formas para se explorar os pontos de iluminação é entender a importância deles tanto para o seu projeto luminotécnico quanto para o aspecto decorativo do espaço – afinal, a iluminação é uma das características que contribuem para o sucesso da decoração de ambientes.

Por meio das luzes, podemos explorar espaços de destaque do cômodo, suavizar detalhes indesejados, evidenciar móveis, objetos decorativos e tornar qualquer lugar mais elegante, agradável e receptivo.

Além disso, uma iluminação direcionada também possibilita o uso de diferentes tipos de peças de iluminação como complemento – quando não as grandes estrelas – do décor no cômodo. Assim, se você possui um estilo clássico ou contemporâneo; moderno ou rústico, pode garantir, além de uma boa iluminação, peças que vão contribuir para a transformação decorativa de todos os espaços!

O universo da iluminação permite diversas possibilidades de transformação para ambientes comerciais, residenciais e industriais. Quando combinado à decoração, os elementos proporcionam verdadeiras transformações, seja qual for o seu estilo de decoração!

Continue acompanhando para mais dicas úteis, ideias inspiracionais e conteúdos informativos. Não deixe de conferir nenhuma novidade – por aqui tem post novo toda semana! Até a próxima publicação.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.