Aterramento elétrico: o que é? Qual sua importância? Saiba aqui!

Não há como negar que a eletricidade é uma das maiores conquistas humanas de todos os tempos. Porém, muitas facetas dessa ferramenta ainda são uma incógnita para algumas pessoas. Por exemplo, o que é o aterramento elétrico? Como funciona? 

Avanços tecnológicos são constantes, então, estamos sempre pensando em alternativas para deixar o mundo da eletricidade mais atual, moderno e principalmente: seguro! Afinal, trata-se de algo indispensável para nosso dia a dia. 

alicate para aterramento

Se você é um profissional que trabalha nessa área, entende o quanto é importante nos atentarmos à segurança. Até porque, ao realizarmos qualquer tipo de instalação ou manutenção elétrica é preciso atestar todos os níveis desse fator, tanto a segurança individual quanto a coletiva. 

No entanto, para que todas as medidas de segurança sejam devidamente adotadas, precisamos estar atentos a todas as normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), que legitimam o processo e dão mais assertividade às atividades elétricas.

Entre as normas da ABNT, temos o aterramento elétrico. Ele é uma medida indispensável para que não haja interferência no projeto da sua casa ou salão comercial. Além de ser essencial para o bom desempenho das instalações. 

Quer entender um pouco mais sobre isso? Continue a leitura deste post, vamos te contar tudo o que você precisa saber para não cometer erros durante esse processo. Vamos lá? 

O que é aterramento elétrico? Veja aqui!

ilustração aterramento

Podemos chamar de aterramento elétrico o ponto que é utilizado como referência para a mediação em outras correntes elétricas. Trata-se de um circuito integrado, essencial para evitar acidentes em instalações. 

Afinal, a principal função do aterramento é garantir que todo e qualquer pico elétrico seja direcionado imediatamente para o chão. Assim, as instalações elétricas ficam seguras, evitando danos mais graves. 

Sabemos que todo circuito é desenvolvido a fim de transportar carga elétrica, não dependendo do formato em que se encontra essa carga. Sendo assim, pode acontecer de termos situações perigosas, em que a energia estática acabou se acumulando em um circuito mal isolado. 

Por isso, para evitar que haja sobrecarga, precisamos desenvolver uma trajetória de escape, que direcione a energia para outro lugar, a terra. Nesse contexto, o aterramento elétrico se mostra indispensável.

Mais segurança para todos: a importância do aterramento elétrico!

mecanismo de aterramento

Grande parte dos dispositivos elétricos já possuem o aterramento elétrico acoplado. Na hora de escolher um tipo de tomada, por exemplo, já temos acesso essa medida incorporada em nossa aquisição. 

Utilizando esse sistema, sabemos que temos vantagem em proteger nossa integridade física e também dos nossos patrimônios, já que ele ajuda a assegurar que as pessoas que entram em contato com a energia, seja de forma doméstica ou no trabalho, não sofram danos pessoais. 

Leia também: Conheça os principais tipos de tomada.

Quais são os tipos de aterramento elétrico?

equipamento para aterramento

Conforme especificado nas normas regulamentadoras, existem três tipos de aterramento elétrico. São eles: aterramento funcional, aterramento de proteção e temporário. Você sabe quais são suas diferenças? Confira! 

Aterramento funcional: nesse tipo de aterramento, a ligação é realizada por meio de um dos condutores do sistema neutro. É considerada uma maneira funcional e pode ser a alternativa mais coerente para você. 

Aterramento proteção: esse é um dos tipos de aterramentos voltados para garantir maior segurança e integridade física, trata-se da ligação à terra, além dos elementos condutores que são considerados estranhos para a instalação. 

Aterramento temporário: chamamos de temporário o tipo de aterramento realizado com ligações elétricas que possuem baixa impedância, de modo inteiramente proposital à terra. Esse é um tipo que garante que a equipotência continue, mesmo com intervenções nas instalações! 

Materiais utilizados para fazer aterramento elétrico:

Existem algumas peças que possuem funções específicas e são essenciais para que o aterramento elétrico funcione da maneira correta. A primeira delas é a haste de cobre, ela possui a função de escoar as cargas diretamente para o solo. 

fios de cobre

Além disso, também podemos destacar a caixa de inspeção, que é responsável por proporcionar uma durabilidade maior à instalação, pois garante a passagem e o acesso às redes elétricas, o que é fundamental. 

Também precisamos lembrar a importância dos conectores, necessários para estabelecer as conexões do aterramento, e por fim, dos condutores da malha de aterramento, que são utilizadas para acoplar as peças metálicas não enterradas. 

redoma para instalação de aterramento

Todas essas peças são fundamentais para que tudo funcione corretamente, portanto, exigem atenção redobrada. Além disso, para saber se o aterramento foi realizado de maneira correta, seguindo todas as recomendações e normas pré estabelecidas, é preciso utilizar o “terrômetro”. 

Essa ferramenta possui a capacidade de medir a resistência da terra. Para que tudo esteja, comprovadamente correto, é necessário que esse resistência esteja próximo de 0. Assim, evitam-se problemas futuros. 

interruptor de tomada

E então, gostou do post? Aqui na Decor Lumen estamos sempre trazendo materiais informativos que podem te ajudar em diversas áreas da eletricidade. Da decoração do ambiente à medidas de segurança e precaução. 

Continue acompanhando nosso blog, nos vemos no próximo post! 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.