Iluminação e decoração: dicas para combinar no ambiente!

O que seria da decoração de um ambiente interno sem um projeto luminotécnico? Esses dois aspectos, para gerar um ótimo resultado, precisam estar juntos. Tudo isso muito bem estruturado e planejado.

Porém, a iluminação ainda é muito negligenciada para esse fim, não sendo, muitas vezes, relacionada ao aspecto estético e funcional que ela consegue aprimorar. Mas, é isso que vamos desconstruir ao decorrer desse conteúdo, afinal, por quê incluir uma boa iluminação na decoração?

A resposta para essa pergunta é muito simples: para devolver a vida, o conforto e a clareza para os cômodos, além de agregar, e muito, esteticamente. Quer descobrir mais sobre esse assunto? Continue a leitura, que iremos te ajudar a utilizar de forma adequada para cada ambiente da sua casa!

Iluminação na decoração: conheça a importância

A iluminação na decoração é fundamental para construir qualquer projeto de interiores de sucesso, seja ele residencial ou comercial, ou seja, ela é essencial para destacar e valorizar detalhes, oferecendo um aprimoramento no visual em geral.

Dessa forma, devemos saber que, as luzes – ou a inexistência delas – são protagonistas na formação de diferentes estilos e pontos de vista, seja de uma imagem, de um móvel ou até mesmo de cômodos completos.

Essa perspectiva pode ser observada em vários segmentos, como: fotografia, cinema, projetos arquitetônicos e em indústrias automobilísticas.

É claro que nos ambientes domésticos essa importância não seria diferente, onde é possível garantir um aperfeiçoamento visual significativo, potencializando a funcionalidade de cada móvel, trazendo foco, neutralidade, harmonização e muito conforto.

Agora que compreendemos que esse aspecto é fundamental tanto sob o ponto de vista estético quanto relacionado a funcionalidade, vamos começar de fato, a incluir as luzes na sua casa: confira nossas dicas:

Onde incluir a iluminação na decoração?

Para um projeto luminotécnico bem sucedido, é importante priorizar a conexão que cada luminária terá com o estilo da decoração e com as necessidades exigidas por cada ambiente.

Dito isso, precisamos identificar os tipos de iluminação existentes: indireta, direta e difusa. Para usar a forma indireta, podemos adicionar arandelas, nichos e prateleiras iluminadas, sancas e balizadores. Já para a direta, priorizaremos a aplicação de spots, luminárias de piso, pendentes e etc. A difusa, por sua vez, proporciona mais harmonia, ou seja, une o natural com o artificial para um resultado mais leve.

Também precisamos compreender que alguns ambientes recebem maior ou menor fluxo de pessoas, por isso, a iluminação deve ser específica para cada um deles. Vamos descobrir mais sobre?

Área externa

As luminárias para área externa deve valorizar a arquitetura da casa e a textura das paredes. Isso porque esse é um local de descontração, então deve ser bem decorado. Para esse ambiente, é possível inserir balizadores no chão e, no teto de ambientes cobertos, apostar em plafons, garantindo mais harmonia.

Imagem de uma área externa residencial com piscina

Sala de estar

Na maioria das vezes, a sala de estar é o primeiro contato das visitas em uma casa, por isso, deve transparecer a identidade dos moradores, valorizando cada detalhes dos móveis, quadros e fotos. As luzes precisam oferecer conforto visual, pois, são espaços de convivência. Para isso, aposte em uma luminosidade em tons amarelados e indireta. Pendentes e arandelas são excelentes alternativas.

Imagem de uma sala de estar mobiliada

Cozinha e área de serviço

Para esses ambientes, a iluminação deve ser geral, com um ótimo fluxo luminoso. Adicione luminárias centrais e, para bancadas, aposte em um LED na parte inferior dos armários.

Cozinha decorada e mobiliada

Sala de jantar

Para a sala de jantar, a melhor alternativa é investir em luminárias sobre a mesa, que podem ser feitas com spots ou pendentes. Essas peças devem ser destacadas no cômodo, por isso, caso você tenha um mesa comprida, escolha pendentes que tenham uma iluminação que envolva todo o espaço da mesa, ou aposte em mais peças.

Sala de jantar decorada e mobiliada

Quarto

Os quartos merecem o máximo de conforto e aconchego, ou seja, necessitam de luzes suaves, neutras e indiretas. Para as mesas laterais, invista em abajures ou pendentes sobre elas. Caso o quarto conte com bancadas de estudos, é essencial aplicar uma luz direta nessa área. Outra dica, para trazer modernidade no visual, é fazer alguns detalhes com LED, na cabeceira por exemplo.

Quarto de casal decorado e mobiliado

Banheiro

O seu projeto luminotécnico do banheiro merece atenção extra, pois para isso, é preciso garantir um espaço muito bem iluminado, claro e com luzes, que proporcionem um efeito suave. Para isso, indicamos uma iluminação frontal, podendo ser utilizadas arandelas ou até mesmo uma fonte de luz com LED atrás do espelho ou no nicho do box, e se for preciso, pendentes para um charme a mais .

Banheiro decorado com fita de led

Como usar abajures e luminárias?

Os abajures e as luminárias são sinônimos de aconchego e sofisticação. Além disso, essas peças são bastante procuradas devido aos seus preços acessíveis, se tornando uma ótima alternativa para quem quer decorar gastando pouco.

A nossa dica é utilizá-los sobre as mesas de cabeceira ou de estudos, aparadores, quartos e escritórios. Devido as grandes opções de tamanhos e modelos, é possível adquirir um para cada ambiente.

Também existem as opções de luminárias e abajures de chão, que podem ser adicionadas em pararelo às poltronas de leitura, bibliotecas ou outros espaços que requerem uma atenção redobrada.

Como adicionar lustres na decoração?

Está buscando mais elegância para os cômodos da sua casa? Nós temos a solução: os lustres! Existem opções de lustres modernos, clássicos e contemporâneos, a escolha dependerá do estilo de decoração da sua casa e, claro, do orçamento.

Para incluir no seu projeto, é importante se atentar ao tamanho da peça e avaliar a proporção em relação ao ambiente, pois, os lustres geralmente são protagonistas, por isso, devem se conectar ao resto do cômodo. Além disso, se atente também sobre a altura de instalação, recomendamos um espaçamento de no mínimo 90 cm entre a superfície do móvel e o lustre.

Iluminação de mesa, de teto ou de parede: qual a melhor?

Essa dica é sobre as formas de iluminar, pois, cada uma dessas opções oferecem efeitos e propósitos diferentes para cada ambiente. As luminárias de mesa são destinadas a ambientes relacionados a leitura ou que precisem de um foco mais direcionado, como escritórios, quarto ou até mesmo para bibliotecas.

Já as luminárias anexas às paredes, ajudam na orientação do caminho e dão destaque na área em que forem adicionadas, como em corredores e em áreas externas.

Uma dúvida muito frequente também é: como colocar pontos de luz no teto? A melhor solução é adicionar as luminárias próprias para teto, como bulbos, spots embutidos no gesso, lâmpadas convencionais e etc. Basta seguir as necessidades e o estilo da sua decoração e escolher entre as opções suspensas na parede ou no teto.

Conheça os 5 principais estilos para iluminação

Agora que você já sabe como usar a iluminação a favor da sua decoração, chegou a hora de conhecer os estilos e, quem sabe, não se inspirar para aprimorar ainda mais seu projeto decorativo. Confira:

Clássica

O estilo clássico retrata fielmente tradições antigas, transmitindo uma estética muito imponente e sofisticada. Para esse estilo, aposte em lustres com traços exuberantes e primorosos, abajures em cúpulas, arandelas, pendentes clássicos anexados no teto e velas e candelabros espalhados.

Cozinha decorada com lustre

Moderna

A iluminação moderna é a união entre o clássico e o contemporâneo, trazendo um efeito arrojado e muito inovador. Para aplicá-la em sua casa, aposte em pendentes com linhas retas e sóbrias, luminárias de chão, abajures de mesa, painéis e fitas de LED e arandelas.

Cozinha decorada com pendentes modernos

Retrô

As luzes retrô são inspiradas em móveis e peças coloridas, oferecendo um ar industrial. Essa opção é definida pelas lâmpadas de filamento de carbono, onde são usadas em luzes no teto, na parede, em abajures e arandelas.

Ambiente residencial decorado com iluminação retro

Industrial

Está buscando por um estilo totalmente diferenciado com detalhes brutais e restritos ao essencial? Então a iluminação industrial é perfeita para você! Aposte em spots presos a trilhos com fios aparentes, luminárias e abajures suspensos, além de garantir que as fiações estejam a mostra.

Imagem de luminária no estilo industrial

Minimalista

A minimalista, que é caracterizada pela praticidade, modernidade e funcionalidade, está sendo cada vez mais usadas por arquitetos. Para aplicar o estilo a sua decoração, invista em abajures com acabamento em madeira ou cobre, pendentes tubulares, plafons de sobrepor ou embutir, ou qualquer outras peças que ofereçam um efeito clean e simples.

Sala de jantar decorada estilo minimalista

Agora não há mais dúvidas, você está devidamente preparada para escolher as peças certas de iluminação e decoração, lembre-se de sempre pensar nas suas necessidades para aquele cômodo. Assim, será mais descomplicado criar uma iluminação assertiva e eficiente.

Se os assuntos sobre iluminação e decoração chamam sua atenção, continue conferindo os nossos conteúdos no blog e implemente nossas dicas na sua casa!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.